Julho Amarelo faz alerta contra hepatites virais, em Santos

Close na mão de uma pessoa segurando um vidro contendo a vacina contra hepatite. #PraCegoVer

Em alerta à população sobre os riscos das hepatites virais, a Secretaria de Saúde de Santos e a Ong Grupo Esperança promovem diversas atividades no Julho Amarelo (mês de luta contra a doença). Entre elas estão a iluminação de prédios públicos e particulares com a cor símbolo da campanha, testagem da população e capacitação de profissionais de saúde.

As equipes do CTA realizarão teste rápido da hepatite C nos dias 21, 24 e 26 no Centro de Referência em Aids (Rua Silva Jardim, 94). No dia 25, será na Ong Sem Fronteiras (Rua da Constituição, 75) e, dia 27, no Bom Prato do Mercado (Praça Iguatemi Martins s/n°), sempre das 13h às 17h. Entre os dias 24 e 27, das 8h30 às 16h30, o Grupo Esperança realiza o teste rápido entre os usuários do Poupatempo Santos (Rua João Pessoa, 246).

“Como os sintomas das hepatites podem não aparecer, muitos casos não são diagnosticados. Por isso a importância do oferecimento da testagem para que as pessoas não cheguem doentes aos serviços de atendimento e evitar, por exemplo, a necessidade de transplantes”, explica a coordenadora do Centro de Controle de Doenças Infectocontagiosas, Regina Lacerda.

No ano passado, foram notificados em Santos 69 casos do tipo B e 89 do tipo C. O teste para detecção das hepatites B e C também é ofertado de segunda a sexta no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), à Rua Silva Jardim, 94 (Vila Mathias), das 8h às 12h, e nas 32 policlínicas da rede de Atenção Básica.

Capacitação

No dia 28, das 8h30 às 15h, será realizado no auditório da Beneficência Portuguesa (Av. Bernardino de Campos, 47) curso de atualização em hepatite C, voltado para profissionais de saúde, estudantes, acadêmicos e demais interessados. Serão abordados os novos protocolos de tratamento, além da situação atual da hepatite B, linha de cuidados, transplante hepático, entre outros temas. Inscrições e informações pelo telefone 3222-5724.

Também no dia 28, às 19h, ocorre missa na Igreja São José Operário (Rua Rodrigues Alves, 224) em intenção das vítimas da doença e em agradecimento de novos e eficazes medicamentos. A programação atende as leis municipais n° 1.900/2001 e 3.117/2015, que instituíram no calendário oficial da Cidade a Semana de Prevenção Contra as Hepatites e o Mês Julho Amarelo, em alusão ao Dia de Luta Contra as Hepatites Virais (28 de julho) instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Dicas de prevenção

– Evite o contato com sangue.
– Não compartilhe alicates de unha, lâminas de barbear ou depilar e escovas de dente.
– Use sempre preservativo (camisinha) nas relações sexuais.
– Faça o teste gratuito.
– Vacine-se contra o tipo B (em três doses), dose indicada para pessoas de 0 a 49 anos, além de pacientes crônicos ou grupos especiais (profissionais de beleza, profissionais do sexo, homossexuais e usuários de drogas) – ainda não existe vacina para o tipo C.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*